Os portos públicos e privados no Brasil movimentaram 278,6 milhões de toneladas de cargas no primeiro trimestre de 2021; um crescimento de 10,5% em comparação com o mesmo período do ano passado, quando foram movimentados 252,2 milhões de toneladas. As informações são da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (ANTAQ).

Nos primeiros três meses deste ano, foram exportados 148 milhões de toneladas das instalações portuárias brasileiras, o que equivale a um aumento de 9,3% em relação ao mesmo período de 2020. Já as importações somaram 42 milhões de toneladas, registrando um crescimento de 17,5% na comparação com os desembarques no começo do ano passado.

Os portos públicos foram responsáveis por 33,5% (93,3 milhões de toneladas) da movimentação total, e os portos privados por 66,5% (185,3 milhões de toneladas).

Prorrogação do drawback pode dar fôlego ao mercado exportador brasileiro em meio à pandemia

Prorrogação do drawback é fundamental para as empresas concretizarem operações de exportação

Entre as mercadorias com maior crescimento na movimentação no primeiro trimestre de 2021, destaca-se petróleo e derivados, com 69,8 milhões de toneladas (+13,7%); minério de ferro, com 81,6 milhões de toneladas (+15,9%) e contêineres, com 31,4 milhões de toneladas (+10,5%).

Os detalhes da movimentação portuária no primeiro trimestre de 2021 podem ser conferidos no link.

Fonte: Brasil 61

Esta entrada foi publicada em notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *