Fiocruz prepara estudo sobre os impactos da pandemia na vida dos brasileiros

O impacto social da pandemia de Covid-19 no Brasil é objeto de pesquisa que vai ser realizada pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz). A proposta é conhecer e avaliar como a população adulta do país se sente depois de vivenciar a atual crise de saúde. A análise dos dados vai contribuir para um melhor planejamento e o avanço em políticas públicas voltadas à saúde da população.

Covid-19: Queiroga estima que metade da população brasileira vai receber as duas doses da vacina até setembro

Servidores dos Correios e bancários entram no grupo prioritário de vacinação contra a Covid-19

Essa é a segunda vez que a pesquisa é realizada desde o início da pandemia no Brasil. A primeira ocorreu entre junho e agosto de 2020, e revelou que mais de 50% das pessoas tiveram sentimentos de nervosismo, ansiedade e tensão. Os participantes também declararam ter dificuldade para relaxar e controlar as preocupações, além da sensação de cansaço e desânimo.

Com os novos resultados, a Fiocruz tem o objetivo de avaliar o que mudou na vida dos brasileiros. De acordo com a instituição, a pesquisa no Brasil é conduzida por pesquisadores de diversos setores. O trabalho também integra um projeto internacional, do qual participam instituições de pesquisa do Chile, Equador, México, Peru e Espanha. Para participar é preciso ser maior de 18 anos, morar no Brasil e responder a um questionário on-line neste endereço.

Fonte: Brasil 61

Please follow and like us:
Esta entrada foi publicada em notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *