Receita mantém calendário de pagamento da restituição de Imposto de Renda

Dados do Ministério da Saúde divulgados nesta segunda-feira (12) revelam que o Brasil registra um acumulado de 13,5 milhões de casos confirmados de Covid-19 e 354,6 mil mortes em decorrência da doença.

O número de pessoas recuperadas chega a 11,9 milhões. De acordo com a pasta, nas últimas 24 horas, foram registrados 35,7 mil novos casos e 1,4 mil mortes.

São Paulo ainda é o estado com o maior número de casos acumulados de Covid-19 desde o início da pandemia. A Unidade da Federação conta com 2,6 milhões de casos e 83 mil óbitos.

Recursos vão garantir funcionamento dos Centros Comunitários para Enfrentamento à Covid-19

Campanha de vacinação contra a gripe: saiba como vai funcionar

Na sequência aparecem Minas Gerais, com 1,2 milhão de casos e 28 mil óbitos; Rio Grande do Sul, com 892 mil casos e 22 mil óbitos; e Paraná, com 884 mil casos e 19 mil óbitos.

O Ministério da Saúde também revela que 3,5 mil óbitos ainda estão em investigação.



Fonte: Brasil 61

Xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

O calendário de restituições não foi alterado com a decisão da Receita Federal de adiar em um mês o prazo de entrega da declaração do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF). O contribuinte ainda receberá o reembolso em cinco lotes mensais, de 31 de maio a 30 de setembro, e quanto antes for enviada a declaração, mais cedo o contribuinte receberá a restituição. 

No primeiro lote, pago no fim de maio, terão prioridade os brasileiros com mais de 60 anos de idade, sobretudo os que têm mais de 80 anos, as pessoas com deficiência física ou doença grave e os contribuintes que têm o magistério como fonte principal de renda. Os demais lotes serão pagos em 30 de junho, 30 de julho, 31 de agosto e 30 de setembro. Receberá primeiro quem tiver enviado a declaração antes.

Prazo para declarar Imposto de Renda é prorrogado para 31 de maio

Auxílio emergencial: quem precisa declarar Imposto de Renda?

Também foram prorrogados para 31 de maio de 2021 os prazos de entrega da Declaração Final de Espólio e da Declaração de Saída Definitiva do País, assim como, o vencimento do pagamento do imposto relativo a essas declarações.

Até esta segunda-feira (12), a Receita Federal havia recebido 12.451.339 declarações do IRPF. Isso equivale a 38,2% do previsto para este ano. 



Fonte: Brasil 61

Please follow and like us:
Pin Share
Esta entrada foi publicada em notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *