Ministério da Saúde lança Campanha de Conscientização sobre Medidas Preventivas e Vacinação contra a Covid-19

Com o lema: “O cuidado é de cada um, o benefício é para todos”, o Ministério da Saúde lança Campanha de Conscientização sobre Medidas Preventivas e Vacinação contra a Covid-19. A cerimônia de lançamento ocorreu na manhã desta quarta-feira (12), no Centro Cultural do Banco do Brasil, em Brasília, e contou com a presença do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga; a ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves; o ministro da Cidadania, João Roma e a titular da recém criada Secretaria Extraordinária de Enfrentamento à Covid-19, Luana Araújo.

Durante a cerimônia, Queiroga ressaltou que apesar da redução do número de óbitos, as medidas protetivas devem continuar, e destacou o esforço do governo federal para vacinar a população contra o coronavírus.

“O governo federal, por intermédio do Ministério da Saúde, tem o objetivo de reforçar cada vez mais a nossa campanha contra a pandemia da Covid-19, cuja base principal é a vacinação. E temos feito um esforço extraordinário para ter doses de vacina à disposição da população brasileira, além de orientar acerca das medidas não farmacológicas.”

Governo autoriza 174 leitos Covid-19 para oito estados

Brasil registra 72,7 mil casos e 2,3 mil mortes por Covid-19 em 24 horas

Secretaria Extraordinária de Enfrentamento à Covid-19 é criada pelo Governo Federal

O evento contou com a presença da família do Zé Gotinha – símbolo da vacinação no Brasil. 

“O cuidado é de cada um, o benefício é para todos. Vamos vacinar a população brasileira e aderir às medidas não farmacológicas como o uso de máscaras”, afirmou o ministro da Saúde.

Secretaria Extraordinária de Enfrentamento à Covid-19

Na ocasião, Queiroga anunciou a criação da Secretaria Extraordinária de Enfrentamento à Covid-19, que será chefiada pela infectologista, Luana Araújo. Formada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), a titular da nova pasta também possui especialização em epidemiologia pela Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos. 

Luana Araújo foi indicada ao cargo pelo presidente Jair Bolsonaro, por possuir experiência com preparo e resposta de sistemas de saúde com relação à pandemia, em países com diferentes graus de maturidade técnica e de perfis socioeconômicos.

“O objetivo dessa secretaria é coordenar a resposta nacional à Covid-19, em um diálogo permanente com todos os atores que fazem parte do processo: governo federal, estados, municípios, agentes públicos, sociedades científicas, organizações internacionais, a imprensa; mas acima de tudo, com a população brasileira. Trabalho duro, pautado nas evidências científicas, buscando sempre soluções eficientes e adaptadas às nossas vulnerabilidades socioeconômicas”, afirmou a secretária.

A ministra Damares Alves demonstrou otimismo com a criação da nova secretaria e colocou o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos à disposição da pasta para ações conjuntas no combate à pandemia.

“O nosso ministério está à sua inteira disposição para mudarmos essa história. Esse toque extraordinário que a campanha está trazendo, da família unida, se protegendo: é todo mundo cuidando de todo mundo. Esse momento vai passar”, afirmou.

O ministro da Cidadania, João Roma, ressaltou a preocupação do governo federal com o sustento das famílias brasileiras que foram afetadas pela crise econômica, agravada pela pandemia.

“A preocupação é válida no quesito da saúde pública, mas também no quesito social, no qual encontramos muitas famílias que cada vez mais sofrem em busca do sustento dos seus entes queridos, que muitas vezes estão com as geladeiras vazias”, aponta.

A cerimônia de lançamento da Campanha de Conscientização sobre Medidas Preventivas e Vacinação contra a Covid-19 pode ser conferida na íntegra na página do Facebook do Ministério da Saúde.



Fonte: Brasil 61

Esta entrada foi publicada em notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *