Programa Luz no Patrimônio vai requalificar a paisagem urbana de cidades históricas de MG

O Programa Luz no Patrimônio vai requalificar a paisagem urbana de cidades históricas de Minas Gerais, por meio da conversão das redes aéreas de iluminação pública para redes subterrâneas, além de projetos de iluminação cênica em edifícios tombados. A iniciativa é coordenada pela Secretaria de Estado de Cultura e Turismo de Minas Gerais (Secult) e pelo Instituto Estadual de Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iepha-MG).

Os primeiros municípios contemplados serão Catas Altas e Mariana (no distrito de Santa Rita Durão). Os termos de compromisso foram assinados entre o Iepha-MG e a Vale e garantem, entre outras ações, o início das obras em junho deste ano.

Senado: MP que viabiliza desestatização da Eletrobras será analisada

Emenda de Kigali: entenda acordo internacional que Brasil ainda não aprovou

Segundo o presidente do Iepha-MG, Felipe Cardoso Vale Pires, o Luz no Patrimônio vai trazer maior visibilidade aos núcleos históricos de Minas. Além disso, o programa visa implantar tecnologia mais adequada e segura.

A operacionalização do projeto contou com Acordo de Cooperação Técnica firmado entre a Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig), a Secult e o Iepha-MG.



Fonte: Brasil 61

Please follow and like us:
Esta entrada foi publicada em notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *