RIO GRANDE DO SUL: Defesa Civil Nacional reconhece situação de emergência em 4 cidades

O governo federal reconheceu a situação de emergência em quatro cidades do Rio Grande do Sul atingidas por desastres naturais. 

Ametista do Sul e Erebango sofreram danos com uma chuva de granizo, enquanto Cândido Godói passa por um período de estiagem. Já o município de General Câmara registra uma infestação de piranhas no rio Jacuí, que vem causando prejuízo para os pescadores da região.

A partir do reconhecimento, os gestores locais podem solicitar recursos do Ministério do Desenvolvimento Regional, o MDR, para socorro e atendimento à população, restabelecimento de serviços essenciais e reconstrução de infraestrutura pública danificada. É o que explica o coronel Alexandre Lucas, secretário Nacional de Proteção e Defesa Civil.

“O que o reconhecimento permite é que o Governo Federal, com todos os seus órgãos do Sistema Federal de Proteção e Defesa Civil, atue em apoio ao estado. Essa é a primeira consequência. Mudando, inclusive, os seus processos administrativos para acelerar essa ajuda.” 

A solicitação de recursos para ações de defesa civil deve ser feita por meio do Sistema Integrado de Informações sobre Desastres, o S2iD. A ferramenta pode ser acessada em s2id.mi.gov.br.

Além das cidades gaúchas, o MDR reconheceu situação de emergência em outras oito cidades brasileiras por conta de desastres naturais, em especial a estiagem e a seca.

Fonte: Brasil 61

Please follow and like us:
Esta entrada foi publicada em notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *