MDR divulga resultado preliminar de seleção de terrenos para empreendimentos sustentáveis

Foto: MDR/Divulgação

Três projetos de arquitetura para construção de moradias sustentáveis para famílias de baixa renda foram selecionados pelo Governo Federal e vão sair do papel. As propostas foram apresentadas em concurso lançado pelo Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) para encontrar soluções inova

doras e viáveis de modelos de habitações sociais, como as construídas pelo Programa Casa Verde e Amarela.

Os projetos vão ser erguidos em três cidades: Olinda, em Pernambuco; Campo Grande, em Mato Grosso do Sul; e em Londrina, no Paraná. No município paranaense, foram aprovadas duas propostas e apenas uma delas será levada adiante, a escolha da prefeitura. As cidades foram escolhidas por meio de seleção pública com participação de COHABs de todo o País.

Alfredo dos Santos, secretário nacional de Habitação do MDR, explica o impacto dessa ação e como os projetos foram selecionados.

“É um passo a mais que a Secretaria Nacional de Habitação dá em direção a projetos mais sustentáveis, que reconheçam as características locais, e as necessidades locais e que leve aos beneficiários o que tem de mais moderno nas tecnologias de construção e, também, nos quesitos de arquitetura.”

A Agência Alemã de Cooperação Internacional, a GIZ, e a Associação Brasileira de COHABs são parceiras da iniciativa. 

Fonte: Brasil 61

Please follow and like us:
Esta entrada foi publicada em notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *