Governo Federal entrega 1.440 moradias em Itapecuru-Mirim (MA)

Lavradora Antônia Márcia da Silva Araújo, de 28 anos, foi beneficiada com a nova moradia. Ela se emocionou ao conquistar um lar para ela e seu filho. “É uma grande vitória, fiquei muito tempo esperando e, graças a Deus, hoje aconteceu”. Foto: Adalberto Marques/MDR

Mais de mil e quatrocentas famílias de baixa renda da cidade de Itapecuru-Mirim, no Maranhão, agora vão viver com mais dignidade e qualidade de vida. Elas receberam do Ministério do Desenvolvimento Regional, o MDR, as chaves de suas casas no Residencial Milton Amorim, que contou com quase 80 milhões de reais em investimentos do Governo Federal.

O ministro Rogério Marinho participou da cerimônia de entrega das chaves. Ele reforçou o compromisso da atual gestão em proporcionar moradia digna às pessoas mais vulneráveis.

“Essa obra se inicia em 2013, várias paralisações ocorreram nesse período. Essa é mais uma demonstração e a reafirmação do compromisso do presidente Bolsonaro de não deixar obras paralisadas. É um grande e importante empreendimento para essa região, que tem uma grande carência, um grande déficit habitacional.”

Uma das novas moradoras é a lavradora Antônia Márcia da Silva Araújo, de 28 anos. Ela falou sobre a emoção de conquistar um lar para ela e seu filho. 

“É uma grande vitória, fiquei muito tempo esperando e, graças a Deus, hoje, o tanto esperado aconteceu.”

Além da entrega das moradias, o ministro Rogério Marinho assinou nesta sexta-feira nota de empenho de R$ 955 mil para obra de pavimentação asfáltica de cerca de dois quilômetros no município de Itapecuru-Mirim, nas proximidades do Residencial Milton Amorim. A intervenção será realizada pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), instituição vinculada ao MDR.

Fonte: Brasil 61

Please follow and like us:
Esta entrada foi publicada em notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *