MDR apresenta resultados e ações do projeto Eficiência Energética para o Desenvolvimento Urbano Sustentável

Foto: MDR/Divulgação

Tornar o processo de construção e as moradias do Programa Casa Verde e Amarela mais eficientes e sustentáveis. Com esse objetivo, o Ministério do Desenvolvimento Regional, o MDR, e a Agência Alemã de Cooperação Internacional, a GIZ, promoveram o projeto Eficiência Energética para o Desenvolvimento Urbano Sustentável. Nesta terça-feira, 23 de novembro, os resultados do projeto foram apresentados em uma conferência on-line.

A iniciativa mostrou que as construções civis com eficiência energética podem causar menor impacto ambiental durante todo seu ciclo de vida. Isso vale desde a etapa de projetos, passando pela escolha de materiais, até a destinação final dos resíduos de demolição.

Alfredo dos Santos, secretário nacional de Habitação do MDR, destaca que os edifícios sustentáveis se tornam cada vez mais relevantes mundo afora.

“Habitação de interesse popular pode ter arquitetura, deve levar em consideração conforto térmico para as famílias, deve levar em consideração que um novo lugar de moradia precisa estar inserida num contexto social de geração de emprego e renda. Então, certamente, essa apresentação levará ao conhecimento das pessoas como essa parceria foi importante”, afirmou Alfredo dos Santos.

Além de cursos e diálogos sobre os impactos da eficiência energética na construção civil, o projeto Eficiência Energética para o Desenvolvimento Urbano Sustentável contribuiu com ações já implementadas. 

Entre elas, está a CECarbon, calculadora de consumo energético e emissões de carbono para edificações, que passou a ser uma importante ferramenta na construção dos empreendimentos. 

Para saber mais sobre o Programa Casa Verde e Amarela e ações de sustentabilidade do Governo Federal, acesse mdr.gov.br.

Fonte: Brasil 61

Please follow and like us:
Pin Share
Esta entrada foi publicada em notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *