Qual é a diferença entre complemento sintético e natural?

Produto natural é livre de aditivos químicos para manter alto teor nutricional

A necessidade de suplementação pode surgir em qualquer momento da vida, seja por uma doença, tratamento preventivo ou até mesmo para repor nutrientes escassos em decorrência de uma dieta desequilibrada. Eles servem para suprir as necessidades calóricas e nutricionais do corpo, mantendo a saúde a longo prazo. 

Suplemento natural

Esses produtos podem ser agrupados em dois grupos gerais: os naturais e os sintéticos. A principal diferença entre os dois está na composição: “o suplemento natural é livre de aditivos químicos, sendo minimamente processado para manter o alto teor de nutrientes”, explica Ricardo Maia, CEO da Life Natural, companhia especializada em suplementos naturais.

Outra grande diferença é o processo de fabricação: “os suplementos naturais são feitos com matéria-prima sustentável, causando o menor impacto possível no meio ambiente. Os produtores de suplementos naturais buscam produções cada vez mais alinhadas ao meio ambiente, porque esse posicionamento coincide com a proposta do produto ofertado” pontua Ricardo Maia

Suplemento sintético

Em contrapartida, o suplemento sintético é fabricado industrialmente e além da sua matéria prima natural, conta com substâncias químicas para aumentar a durabilidade do produto e o tempo na prateleira. Alguns contam com aromatizantes artificiais, usados para alterar o sabor e cheiro dos produtos. 

Benefícios x desvantagens

O nosso metabolismo absorve com mais fácil os produtos naturais: “o corpo humano metaboliza com mais facilidade produtos de origem vegetal e animal, porque são mais parecidas com os alimentos”, exemplifica Ricardo Maia. Enquanto isso, a absorção de vitaminas sintéticas pode ser afetada por conta das reações químicas industriais envolvidas no processo de fabricação. 

Em contrapartida, pessoas que buscam suplementação para casos de doenças mais específicas, como anemias graves ou uma internação pós-cirúrgica onde houve grande perda de sangue e nutrientes, podem necessitar de suplementos específicos. Essa medicação específica é receitada pelo médico, sendo na maioria das vezes um suplemento sintético.

Qual é a melhor suplementação?

Para decidir qual é a melhor suplementação, o indicado é pesquisar profundamente sobre o produto e ler a tabela nutricional e componentes do mesmo. Além disso, é necessário obter a recomendação do médico ou nutricionista.

Em suma, o suplemento natural é mais benéfico para o corpo porque não conta com aditivos sintéticos maléficos para o organismo. Entretanto, é necessário estudar o histórico de saúde do indivíduo que irá usar o produto a fim de definir qual é o mais indicado para o seu caso.

Sobre Ricardo Maia

Empresário, formado em Administração pela Faculdade Federal de Rondônia (Unir), e Manter Coaching Business, pela Febracis Campinas. É proprietário da Grupo Life Natural, que atua na importação e fabricação de produtos naturais.

Fundou a empresa em Rondônia no ano de 2014, e hoje conta com revendedores de seus produtos em todo o Brasil e também no exterior. Atualmente sua equipe cuida da importação e exportação de mais de 100 produtos diferentes em seu portfólio, dentre eles hidratantes corporais e faciais, complexo de vitaminas, gel redutor de medidas, inibidores de apetite e novos produtos que estão frequentemente sendo desenvolvidos.

Antes de criar o Grupo Life Natural, Ricardo Maia trabalhou  durante 12 anos como representante comercial nas grandes empresas de telefonia (Brasil Telecom, OI e Vivo) em Rondônia.

Please follow and like us:
Pin Share
Esta entrada foi publicada em Informe científico. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *