Governo Federal destina R$ 3,79 milhões para ações de resposta a temporais em municípios da Bahia, Minas Gerais e Pará

Foto: MDR/Divulgação

O Governo Federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), autorizou o repasse de R$ 3,79 milhões para atender 12 municípios da Bahia, Minas Gerais e Pará atingidos por temporais. As portarias que autorizam a liberação de recursos foram publicadas na edição desta segunda-feira (7) do Diário Oficial da União (DOU).

A maior parte do repasse, R$ 1,34 milhão, será destinada a três cidades paraenses atingidas por chuvas intensas. Jacareacanga contará com R$ 500 mil para a aquisição de cestas de alimentos, kits de limpeza, higiene pessoal e dormitório, além de colchões e água para consumo humano.

Já a cidade de Rurópolis contará com R$ 480 mil para a compra de cestas básicas, material de limpeza e higiene pessoal e colchões. Para Bom Jesus do Tocantins, serão repassados R$ 366,7 mil, que vão custear a compra de cestas de alimentos, kits de limpeza, higiene pessoal e dormitório, colchões e combustível para atendimento à população afetada.

Defesa Civil Nacional alerta para chuvas intensas na Região Sudeste nos próximos dias

Governo Federal se reúne com prefeitos de cidades paulistas atingidas por fortes chuvas

Outras cinco cidades da Bahia vão receber um total de R$ 1,24 milhão – todas também afetadas por chuvas intensas. Xique-Xique ficará com R$ 534,4 mil, que serão voltados à aquisição de cestas básicas, colchões, mosquiteiros e filtros de barro. Angical, por sua vez, receberá R$ 224,2 mil para a compra de cestas de alimentos, kits de limpeza, higiene pessoal e dormitório, colchões e água potável. Outros R$ 204,2 mil serão repassados a Itajuípe, que utilizará o valor para a recuperação da pavimentação e da drenagem urbana danificada pelo desastre.

Já o município de Encruzilhada vai aportar os R$ 182 mil autorizados pela União na compra de cestas de alimentos, kits de limpeza e higiene pessoal e colchões. Por fim, Conceição do Almeida contará com R$ 99,3 mil para o custeio de combustível.

Em Minas Gerais, o valor autorizado pela Defesa Civil Nacional é de R$ 1,21 milhão. O montante vai atender quatro municípios, sendo que três deles registraram chuvas intensas.

O maior aporte será para Ponto dos Volantes, que receberá R$ 812,3 mil para o restabelecimento de uma ponte danificada. Mais R$ 182,7 mil serão destinados à construção de um acesso alternativo a uma ponte de madeira em Santa Helena de Minas. A cidade de Orizânia contará com R$ 115,4 mil para a execução de um muro de contenção em uma encosta.

A única localidade que registrou enxurradas foi Divino das Laranjeiras. Para lá, serão transferidos R$ 103,4 mil, valor que será destinado ao restabelecimento de uma ponte.

Até o momento, já foram disponibilizados cerca de R$ 140 milhões para ações de defesa civil na Bahia e R$ 48 milhões em Minas Gerais.

Procedimento

Com o reconhecimento federal de situação de emergência, os municípios atingidos por desastres naturais podem solicitar recursos do MDR para atendimento à população afetada, restabelecimento de serviços essenciais e reconstrução de equipamentos de infraestrutura danificados pelo desastre.

A solicitação deve ser feita por meio do Sistema Integrado de Informações sobre Desastres (S2iD). Com base nas informações enviadas, a equipe técnica da Defesa Civil Nacional avalia as metas e os valores solicitados. Com a aprovação, é publicada portaria no DOU com a especificação do montante a ser liberado.

Fonte: Brasil 61

Please follow and like us:
Pin Share
Esta entrada foi publicada em notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *