CÂNCER DE MAMA: Pernambuco registra 48,2 mil mamografias apenas em 2022

Foto: Arquivo / EBC

Pesadelo de muitas mulheres, o câncer de mama pode ser detectado precocemente com o autoexame e exames clínicos periódicos. No estado de Pernambuco, já foram realizadas 48,2 mil mamografias nas unidades do Sistema Único de Saúde (SUS), em 20

22. Destes exames, 7,9 mil apresentaram risco elevado e as mulheres terão de fazer exames complementares.

De acordo com dados do Sistema Nacional de Câncer (SISCAN), nos primeiros cinco meses de 2022, foram mais de 942 mil exames realizados em todo o país. Para quem foi diagnosticado, o SUS dispõe de 317 unidades e centros de assistência habilitados no tratamento oncológico.

Entre 2020 e 2021, o Ministério da Saúde investiu mais de R$ 196,7 milhões em 4,5 milhões de exames de mamografia para diagnóstico e rastreio da doença como parte dos serviços de Atenção Primária à Saúde (APS). E aplicou mais de R$5,7 milhões em 6,5 mil reconstruções mamárias e destinou mais de R$ 10,5 milhões em 25,1 mil cirurgias para o tratamento de câncer de mama.

Segundo o Sistema de Informações de Câncer (SISCAN), em 2020, o SUS realizou cerca de 1,8 milhão de mamografias no país. Em 2021, este número saltou para   mais de 2,6 milhões, um aumento de 44,44%. 

O Instituto Nacional de Câncer (Inca) estima a incidência de 66 mil novos casos de câncer de mama por ano no Brasil. Por isso é muito importante que as mulheres façam o autoexame e o exame periódico nas Unidades Básicas de Saúde. Como outros tipos de câncer, a detecção precoce é fundamental para um tratamento de sucesso.

O autoexame mensal deve começar cedo, a partir dos 20 anos, porque, independente do histórico familiar, o câncer de mama pode atingir mulheres em qualquer faixa etária. Importante ressaltar que as mamas podem ficar inchadas antes e durante o período menstrual, sendo recomendado o exame sete dias após o início do fluxo menstrual. O autoexame também é indicado durante a menopausa.

A partir dos 40 anos, realiza-se anualmente o exame simples das mamas. Basta procurar uma unidade de saúde do SUS para agendar a consulta. O exame consiste em um teste físico onde um enfermeiro ou médico da Atenção Primária apalpa cuidadosamente os seios, axilas, pescoço e a região peitoral para identificar precocemente nódulos e solicitar testes clínicos específicos.

A cada dois anos, mulheres entre 50 e 69 anos, devem realizar o exame de mamografia e ultrassom de mamas. 

“O câncer de mama leva de seis a 10 anos para atingir o tamanho de um centímetro, o que equivale a uma bolinha de gude. Mas a partir dali, ele cresce rapidamente. Existem casos onde as pacientes chegam aqui com o câncer avançado, correndo o risco de perder as mamas ou falecer. Por isso é importante as mulheres fazerem os exames clínicos com a mamografia”, orienta o mastologista e diretor-presidente da Fundação Centro de Controle de Oncologia do Amazonas (FCecon), Gerson Mourão.

Atenção integral

Principal porta de entrada do SUS, a Atenção Primária à Saúde promove ações de saúde individuais, familiares e coletivas para prevenir o câncer de mama. Os testes clínicos específicos, tais como exame de sangue, colesterol, mamografia e ultrassonografia mamária são realizados apenas com um encaminhamento da Atenção Primária.

Além de se fazer a solicitação da mamografia de rastreamento como o método de detecção precoce do câncer de mama, também se trabalha a questão de sinais e sintomas do câncer de mama junto às mulheres e também formas de prevenção primária, como o estímulo a prática de atividade física, a manutenção de um peso saudável, alimentação adequada e saudável também rica em alimentos in natura, pobre em intra processados”, ressalta a coordenadora-geral de Prevenção de Doenças Crônicas e Controle do Tabagismo, Patrícia Izetti.

Os centros oncológicos integram a rede SUS e também oferecem exames pré-clínicos gratuitos para o câncer de mama.  Confira a listagem de hospitais credenciados no site do Inca, encontre a Unidade Básica de Saúde (UBS) mais próxima da sua residência ou procure a secretaria de saúde do seu estado para mais informações.

CÂNCER DE MAMA: Sinais e sintomas (Fonte: Inca)

●    Nódulo (caroço), fixo e geralmente indolor: é a principal manifestação da doença, estando presente em cerca de 90% dos casos quando o câncer é percebido pela própria mulher;
●    Pele da mama avermelhada, retraída ou parecida com casca de laranja;
●    Alterações no bico do peito (mamilo);
●    Pequenos nódulos nas axilas ou no pescoço;
●     Saída espontânea de líquido anormal pelos mamilos.

Para mais informações, acesse o site do Ministério da Saúde: gov.br/saude. Ou entre em contato com a Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco, pelo telefone (81) 3184-0104.
 

Fonte: Brasil 61

Please follow and like us:
Pin Share
Esta entrada foi publicada em notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.