Agro alcança recorde de U$16bi em exportação em março e no acumulado do ano

Em março deste ano, o valor exportado pelo agronegócio brasileiro alcançou o recorde de US$ 16 bilhões. Os produtos de maior destaque no mês foram soja em grãos (+US$ 878,3 milhões), milho (+US$ 397,8 milhões), farelo de soja (+US$ 330,5 milhões), açúcar de cana embruto (+US$ 215,2 milhões) e carne de frango in natura (+US$ 214 milhões). Ao todo, os produtos contribuíram com US$ 2 bilhões para o aumento das exportações, valor superior ao crescimento de US$ 1,6 bilhão nas vendas externas totais do setor. Em março de 2022, as exportações do agronegócio foram de US$ 14,4 bilhões.

De acordo com a análise da Secretaria de Comércio e Relações Internacionais do Ministério da Agricultura e Pecuária, o índice de quantum das exportações brasileiras do agronegócio subiu 7,1%, e o índice de preço dos produtos exportados teve aumento de 3,5%. O estado brasileiro que mais contribuiu para esse resultado foi Mato Grosso, que é destaque nacional na produção de seja e milho. A economista Carla Beni, da FGV, explica que o atraso nas exportações e o preço do petróleo bruto são fatores que contribuíram nesse resultado positivo. “O mês de fevereiro teve alguns atrasos nos embarques, então isso foi compensado agora em março. Então no setor agropecuário o volume embarcado foi maior em março do que nos períodos anteriores. Outro ponto que ajudou a puxar a alta das exportações foi o petróleo bruto porque o volume exportado subiu mais de 100%. Mesmo com o preço do petróleo caindo, o volume aumentou. E isso é devido a retomada de plataformas que estavam em manutenção”.

O consultor da Safras e Mercados Luiz Fernando destaca os números positivos na produção e exportações de grãos e farelos que o Brasil já atingiu e ressalta que a expectativa é favorável para o Brasil no decorrer de todo este ano. “Abril, maio, junho, são os principais meses de exportação do Brasil de soja em grão, porque onde tem a maior parte do volume disponível. Para o mês de abril já temos registrado para embarque 15 milhões de toneladas. As perspectivas são ótimas. A gente tem muita produção, a gente pode exportar muito neste ano”.

No ano passado, a balança comercial registrou um superávit recorde de 62 bilhões de dólares. E para este ano há uma expectativa positiva da equipe econômica de que o Brasil alcance um saldo positivo de U$ 84 bilhões, uma alta de 36,8% em relação ao ano passado.
 

Fonte: Brasil 61

Please follow and like us:
Pin Share
Esta entrada foi publicada em notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *