Alô, Minas!: municípios têm até sexta-feira (19) para se inscreverem no programa que busca aumentar o acesso à Internet

O prazo para os municípios mineiros aderirem à Fase II do programa Alô, Minas! vai até esta sexta-feira, 19 de janeiro, às 18 horas. Para realizar a inscrição, as prefeituras devem acessar o Sistema Eletrônico de Informações (Sei!MG). A iniciativa busca implementar o acesso à Internet e telefonia celular 4G ou superior a cem novos distritos, comunidades e povoados mineiros.

Entre os critérios para participar estão: 

  • Distritos e localidades devem ter no mínimo de 500 eleitores totais, conforme os dados atualizados do Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE).
  • Possuir um estabelecimento de ensino com no mínimo 200 alunos matriculados, com base nas informações atualizadas da Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais (SEE-MG).

Todos os critérios estão detalhados no edital. A lista das locais selecionados será divulgada no dia 26 de janeiro, no site da Secretaria de Planejamento e Gestão de Minas Gerais.

O economista César Bergo analisa o Alô, Minas! como um programa “fundamental” para os municípios, principalmente aqueles que não possuem muitas condições financeiras. Para ele, a falta de acesso à Internet e telefone móvel afasta a população da comunicação e informação.

“Porque você tendo acesso à comunicação via Internet e tendo informação, você consegue prestar serviços públicos melhores para essas comunidades, possibilitando novas atividades, geração de emprego de renda, e mais do que isso, uma integração necessária nos tempos de hoje”, destaca.

Bergo aponta que nos últimos meses, as arrecadações municipais caíram em decorrência da conjuntura econômica, e cabe ao gestor municipal verificar as condições e aderir ao programa, que vai possibilitar a melhoria das condições dessas comunidades.

A estudante Anna Beatriz Moreira, de 20 anos, é moradora de Piedade de Caratinga. Ela afirma que receber o serviço será bom, facilitando a comunicação entre os municípios de Minas Gerais.

“Eu achei a iniciativa muito importante, até porque hoje em dia tudo que nós fazemos é pela Internet, pelo celular. É até difícil imaginar não tendo acesso a isso. Isso vai ajudar bastante na comunicação entre o estado e com o nosso estado para fora também”, afirma.

Os municípios beneficiados pela iniciativa Alô, Minas! – Fase II deverão fornecer e disponibilizar terrenos para permitir que a operadora responsável pelo serviço construa e instale torres de telefonia ao longo de 20 anos. Além disso, as prefeituras ficam encarregadas pela construção e manutenção de acesso à torre e  devem agilizar os trâmites necessários, como o licenciamento ambiental e a emissão de alvarás de construção. As informações são do governo de Minas Gerais.

Veja mais:

Alerta Amber: polícia de MG usa redes sociais para localizar crianças ou adolescentes desaparecidos

Minas Gerais é líder de crescimento de atividade turística no Brasil, diz IBGE

Fonte: Brasil 61

Please follow and like us:
Pin Share
Esta entrada foi publicada em notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *