Em Fortaleza, no Ceará, 317 famílias de baixa renda recebem a casa própria

Trezentas e dezessete famílias de baixa renda da cidade de Fortaleza, no Ceará, receberam a casa própria nesta quinta-feira (20). A segunda etapa do Residencial Alto da Paz integra o Programa Casa Verde Amarela e vai atender cerca de 1,2 mil pessoas.

Presente à cerimônia de entrega, o secretário nacional de Habitação do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), Alfredo dos Santos, contou um pouco de suas origens e destacou a importância de se ter um ambiente tranquilo e seguro para criar os filhos.

“O que desejo para os filhos de vocês é que, quando eles forem mais velhos, este momento aqui tenha sido uma virada de chave. Que eles possam estudar, que tenham condições de brincar e, quando forem adultos, possam ter a mesma lembrança que eu tenho lá do ambiente tranquilo e humilde onde minha família me criou”, afirmou.

Dentre os beneficiados com a nova moradia, 242 são mulheres responsáveis pela economia familiar. Além disso, entre homens e mulheres, há 23 idosos e 18 pessoas com deficiência.

A dona de casa Manuela Neris de Freitas, 39 anos, foi uma das contempladas. Chefe de família, ela comemorou o fato de não ter mais que pagar o aluguel. “Estávamos há quatro anos na espera deste apartamento. Moro de aluguel há quase de 23 anos. É uma benção”, disse Manuela.

O residencial recebeu R$ 25,9 milhões em investimentos federais, além da isenção do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), do Imposto Sobre Transmissão de Bens Imóveis (ITBI) e doação do terreno por parte do Poder Público Municipal.

O empreendimento conta 317 apartamentos, sendo 80 unidades com três quartos e 237 unidades com dois quartos, distribuídos em 20 blocos de quatro andares, sendo quatro apartamentos por pavimento.

O conjunto habitacional conta com infraestrutura completa, com drenagem, esgoto, água, pavimentação, energia elétrica, iluminação e transporte público. Além disso, conta com uma creche e uma escola nas proximidades.

Fonte: Brasil 61

Please follow and like us:
Pin Share
Esta entrada foi publicada em notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *