Índice Geral de Preços caiu 2,33% em maio

O Índice Geral de Preços – Disponibilidade Interna (IGP-DI) caiu 2,33% em maio. No mês anterior, a taxa havia sido de -1,01%. Com este resultado, o índice acumula variação de -3,56% no ano e de -5,49% em 12 meses. Em maio de 2022, o índice havia subido 0,69% e acumulava elevação de 10,56% em 12 meses.

Segundo especialistas, no âmbito dos produtores, a deflação é puxada pela queda dos preços do Diesel (-14,82%), e de grande commodities, como minério de ferro (-11,89%) e milho (-16,85%). Para os consumidores, a queda é sentida principalmente pelo preço das passagens aéreas (-17,91%) e a gasolina (-1,97%). 

O IGP-DI é composto por três índices diferentes: Índice de Preços por Atacado (IPA-DI), Índice de Preços ao Consumidor (IPC-DI) e Índice Nacional de Custo da Construção (INCC-DI). 

O Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA) caiu 3,37% em maio. No mês anterior, o índice havia apresentado queda de 1,56%. O principal responsável pela desaceleração da taxa foi o item combustíveis para consumo. Bens intermediários também caíram, para -3,24%. 

Contribuem também para este índice a queda do preço do milho (-16,85%), bovinos (-5,25%) e minério de ferro (-11,89%). Em sentido oposto, houve alta do preço da soja, aves e leite in natura. 
Já o Índice de Preços ao Consumidor (IPC) variou 0,08% em maio, após ter subido 0,50% em abril. 

O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) variou 0,59% em maio, ante 0,14% no mês anterior. 
 

Fonte: Brasil 61

Please follow and like us:
Pin Share
Esta entrada foi publicada em notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *