Itaberaba (BA): encerra operação de apoio após chuvas intensas na cidade

Foto: MDR/Divulgação

O Governo Federal finalizou, nesta quarta-feira (1°), operação na cidade de Itaberaba, na Bahia, para verificar os estragos causados pelas fortes chuvas do último sábado, 27 de novembro. 

Pelo menos, 18 pessoas estão desalojadas e duas morreram em razão do desastre. No centro de Itaberaba, parte do asfalto de duas avenidas foi arrancada e crateras se formaram no local. Já na zona rural, algumas comunidades ficaram ilhadas. 

De acordo com a Defesa Civil Nacional, existe ainda demanda de limpeza de galerias e esgotos, desobstrução de ruas e recuperação de calçadas na região. 

Para ajudar a população, um Posto de Comando foi instalado no Centro Integrado de Administração Municipal de Itaberaba. 

O coronel Alexandre Lucas, secretário nacional de Proteção e Defesa Civil do Ministério do Desenvolvimento Regional, o MDR, explica que a operação ajudou o município nos procedimentos de solicitação de reconhecimento federal e de repasse de recursos.

“Nosso objetivo aqui é agilizar o reconhecimento dos processos de situação de emergência; liberar recursos necessários para o restabelecimento de serviços essenciais, socorro, assistência e recuperação com rapidez; e dar apoio na gestão do desastre”

A operação verificou, ainda, a situação nas cidades baianas de Mundo Novo e Baixa Grande, também atingidas por fortes chuvas. 

Para saber mais sobre as ações de proteção e defesa civil do Ministério do Desenvolvimento Regional, acesse mdr.gov.br.

Fonte: Brasil 61

COVID-19: Brasil vacina 80% da população alvo com duas dosesBloqueado

Ajude-nos a crescer! Compartilhe esta matéria com seus amigos no Facebook clicando no botão abaixo para desbloquear o conteúdo automaticamente. Compartilhar é grátis!

Clicando no botões você concorda com os termos de uso e política de privacidade
Please follow and like us:
Pin Share
Esta entrada foi publicada em notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.