PR: edital do Coopera Paraná ficará aberto até 27 de setembro

Entidades interessadas em participar do Programa de Apoio ao Cooperativismo da Agricultura Familiar do Paraná (Coopera Paraná), têm até o dia 27 de setembro para realizar as inscrições. A Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento do Paraná publicou o edital de chamamento público para seleção de projetos de negócios sujeitos ao apoio financeiro do programa.  O valor previsto para o programa é de R$ 31,5 milhões.

O coordenador estadual do Coopera Paraná, Jefferson Meister explica que o programa é uma ação do Governo do Estado coordenada pela Secretaria de Agricultura e que tem como objetivo principal fortalecer o cooperativismo da agricultura familiar no estado, além de apoiar financeiramente investimentos socioprodutivos dentro da cooperativa para que elas consigam melhorar a sua eficiência econômica e produtiva.

“O objetivo do programa é buscar ações integradas entre o setor público e privado, como trabalhos de assistência técnica junto às cooperativas de agricultura familiar, a capacitação dos dirigentes do quadro social e de técnicos que trabalham com as cooperativas. O estado ajudará a promover e a apoiar a comercialização e o acesso desses agricultores a canais de comercialização, tanto institucionais quanto privados”, expõe.

Meister  ressalta que de  acordo com os dados do censo de 2017, a agricultura familiar representa 75% dos estabelecimentos rurais no estado do Paraná. O que equivale a aproximadamente 225 mil propriedades categorizadas como agricultura familiar e cerca de 850 mil pessoas atuando nesse setor.

“Estudos dessa categoria da agricultura familiar por meio de informações do censo agropecuário, indicam que a agricultura familiar representa aproximadamente 28% do PIB do agronegócio dentro do Paraná. Já as cooperativas da agricultura familiar, em levantamento realizado agora no ano de 2023, aponta que essas organizações, possuem um faturamento aproximado de R$ 650 milhões no último ano de 2022”, pontua.

Coopera Paraná

O edital prevê apoio financeiro para diversas necessidades, incluindo obras e construção civil, seja para reformas, adequações ou construções novas; investimentos em logística, como aquisição de veículos, caminhões e materiais para transporte; e investimentos em maquinário, infraestrutura de agroindústria, comercialização ou sistemas que otimizem o gerenciamento econômico e financeiro das cooperativas e associações.

Após o encerramento das inscrições no dia 27 de setembro, haverá a análise de documentos e verificação da regularidade da inscrição da entidade. “Essa entidade estando apta e regularmente inscrita vai para uma etapa de análise dos projetos, onde analistas do sistema da agricultura vão analisar o projeto e vão classificá-los conforme uma ordem de pontuação”, explica o coordenador.

A estimativa para a conclusão da análise de habilitação documental das entidades, toda a parte jurídica, documentos diversos, estatutos, certidões, comprovantes de endereço e documentações pertinentes à diretoria, está prevista para o dia 7 de dezembro.

Jefferson Meister ressalta que após a conclusão das análises, o Coopera Paraná começará a elaborar planos de trabalho de cada um dos projetos de negócio e a expectativa é que a partir de fevereiro de 2024, se iniciem os processos de formalização dos termos de fomento os repasses de recursos para as associações e cooperativas da agricultura familiar. 
 

Veja Mais:

Paraná registra 1.895 casos suspeitos de dengue
Paraná implementa retenção na fonte de Imposto de Renda sobre pagamentos a empresas e serviços
 

Fonte: Brasil 61

Please follow and like us:
Pin Share
Esta entrada foi publicada em notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *